Tempurá de Legumes

O tempurá é uma delícia, barato e rende muuito, mas infelizmente muita gente erra. Fiz o vídeo com uma média dos ingredientes que eu uso e atualizei o post, pois não tinha medidas muito precisas (já que eu fazia bem no olhômetro), e também acrescentei a água e o bicarbonato na receita!

Ingredientes

1 xícara (de chá) de pimentão verde cortado em palitos com cerca de 0,5cm (+/- 1 pimentão pequeno)
1 xícara (de chá) de repolho cortado em tiras de 2cm (+/- 1/4 de um repolho pequeno)
1 xícara (de chá) de batata cortada em palitos com cerca de 0,5cm (+/- 2 batatas médias)
1 xícara (de chá) de vagens cortadas ao meio (15 unidades de vagem)
1 xícara (de chá) de cenoura cortada em palitos (+/- 1 cenoura média)
1 xícara (de chá) de cebola cortada em fatias de 1cm (+/- 1 cebola média)
1 colher (de chá) de sal
1 xícara (de chá) de água bem gelada
2 e 1/2 xícaras (de chá) de farinha de trigo
1 colher (de chá) de bicarbonato de sódio
Óleo para fritar

  • Preço médio: R$ 6,00

  • Rende cerca de 20 tempurás médios

  • Tempo de preparo: 40 minutos

  • Contém glúten

  • Vegan

Modo de preparo

Lave, descasque e pique os ingredientes no formato de palito; exceto o repolho, que deve ser picado um pouco maior, pois fica frito mais rápido.
Em uma panela em fogo médio, esquente o óleo e enquanto isso prepare o tempurá.
Coloque os legumes em uma tigela grande e acrescente o sal e a água bem gelada. Misture tudo com as mãos e adicione a farinha de trigo e o bicarbonato. (Se quiser, misture a farinha e o bicarbonato antes de colocar na vasilha, para se distribuírem mais uniformemente).
Misture novamente, e caso precisar, acrescente mais água ou farinha. Você deve conseguir fazer montinhos grudados com os ingredientes, e a massa deve ser grossa, e todos os ingredientes devem estar envoltos por ela (veja no vídeo).
Quando o óleo estiver quente (coloque um palito de fósforo no óleo, e quando ele acender, estará no ponto), coloque porções de massa com o auxílio de um pegador de salada ou macarrão. Você pode colocar com as mãos também, apenas tome cuidado para não se queimar.
Evite colocar montinhos muito “gordinhos”, pois corre o risco do tempurá ficar cru no meio. Mais achatadinho é melhor.
Eu costumo usar o hashi para fritar, pois não acumula muito óleo, evite também mexer muito, pois corre o risco dos ingredientes se soltarem da massa. Frite até os dois lados ficarem bem douradinhos.
Escorra o óleo, e coloque os tempurás fritos sobre papel toalha para absorver o excesso de óleo.
Sirva com shoyu se preferir.
Está pronto!

Dicas

  • Para seu tempurá ficar bem crocante, aconselho a usar uma água beem gelada e fritar em óleo beem quente!
  • Procure cortar os ingredientes mais ou menos no mesmo tamanho, e evite cortar muito grosso pois corre o risco dos legumes ainda estarem duros quando a massa já estiver pronta. 0,5 cm está ótimo, e o repolho pode ser mais grosso, já que ele é mais molinho.
  • Costumo usar os ingredientes desta receita, mas você pode usar abobrinha, couve-flor, brócolis…Tem gente que usa berinjela também.
  • Se você não quiser usar todos os ingredientes que sugeri, pode repetir a quantidade do ingrediente que você mais gostar. Por exemplo, você pode fazer um tempurá de cebola, batata e cenoura apenas, aumentando a quantidade deles.
  • Como não tenho balança, usei uma xícara medidora como base para calcular a quantidade de cada ingrediente que foi. Deixei todos eles um do lado do outro, enfileiradinhos, e usei como medidor. A xícara tem 240ml.
  • Eu prefiro o bicarbonato de sódio, mas dá pra usar também fermento químico em pó nesta receita. Use a mesma quantidade.
  • É importante que a massa fique como a do vídeo, não muito mole, nem muito grossa, senão corre o risco dos tempurás não ficarem com o formato de bolinho.
  • Ah, fiz uma sopa com os ingredientes que sobraram do tempurá (:
Vegetariana e amante de animais (sobretudo gatinhos). É designer de produtos, fotógrafa freelancer, e apaixonada por culinária desde pequena. Adora cozinhar, principalmente para os outros, testar ingredientes e receitas! Muitos dos pratos que conhece aprendeu pesquisando e principalmente testando.